Operação contra "Novo Cangaço" terminou com 25 mortos em Minas

Mais Lidas

Jogos do Tombense na Série B do Campeonato Brasileiro de 2022 podem acontecer em Muriaé

Com apenas 7.683 habitantes, segundo a estimativa do IBGE de 2021, o município de Tombos terá um representante na divisão de acesso do Campeonato...

Morre aos 62 anos o empresário Anízio Gardingo, de Matipó

Morreu nesta sexta-feira (12), o empresário Francisco Anízio Gardingo, aos 62 anos. Ele era sócio do grupo familiar Gardingo, do ramo da indústria de...

Casal morreu após carro cair de ponte em Viçosa

Duas pessoas morreram em um acidente em Viçosa na noite deste domingo (14). O veículo que elas estavam, um VW Santana, caiu de uma...

Prefeitura de Ubá divulga Edital de Processo Seletivo para contratação de professores

A Prefeitura de Ubá, por meio da Secretaria Municipal de Educação , divulgou o Edital 03/2021 para Processo Seletivo Simplificado -  Cadastro Reserva para...

Uma ação conjunta da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar de Minas Gerais terminou com pelo menos 25 mortos no Sul do Estado. Todos são suspeitos de integrar o grupo criminoso chamado "Novo Cangaço".

A operação contra os criminosos ocorreu na madrugada deste domingo (31), em Varginha. Os envolvidos são suspeitos de participar e planejar ataques a agências bancárias da região. A polícia informou que eles estavam fortemente armados e que twriam atacados os policiais.

De acordo com o Estado de Minas, a capitão Layla Brunela, porta-voz da PMMG, disse que trata-se da maior operação contra o Novo Cangaço no País. "Provavelmente foi a maior operação do Novo Cangaço aqui no país. Muitos infratores fariam a tentativa de um roubo, provavelmente amanhã (segunda-feira, 1º/11) ou hoje (domingo, 31/10), e foram surpreendidos pelo nosso serviço de inteligência. isso resultou na apreensão de um forte armamento, além de explosivos e coletes balísticos (à prova de balas) que eram utilizado por esses infratores."

A ação ocorreu em duas chácaras. A PRF informou que no primeiro confronto foram 18 mortos. Nesta ação, 10 fuzis foram recuperados, além de outras armas, munições, granadas e coletes a prova de balas.

Outra parte da quadrilha estava numa segunda chácara. Em novo confronto, mais sete criminosos foram mortos e mais armas recuperadas e grande quantidade de explosivos. Também foram encontrados 10 veículos roubados.

Nenhum policial ou civil ficou ferido. Detalhes da ação serão repassadas ainda neste domingo. O caso será encaminhado à Polícia Civil.

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias